Com rap, professor de Santa Maria ganha ‘Oscar’ da Educação

A cultura transforma. A educação traz oportunidades. A junção dessas fontes de conhecimento é tão poderosa que pode mudar radicalmente a vida de jovens infratores. É o que mostra o professor Francisco Celso, eleito um dos 50 melhores professores do mundo, de acordo com o Teacher Prize 2020, prêmio mundial que homenageia educadores e é organizado pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).

Com o projeto RAP: Ressocialização, Autonomia e Protagonismo, o professor usa linguagens artísticas como fonte de propostas educacionais no Núcleo de Ensino da Unidade de Internação de Santa Maria.

Lixão com flor

Francisco fala sobre realidade e poesia. Explica a origem do rap como a união entre ritmos e versos que narram contextos sociais. “Onde estiver, seja lá como for, tenha fé, porque até no lixão nasce flor”. Ao cantar trecho da música Vida Loka, dos Racionais MC’s, o professor explica a prática do rap no sistema socioeducativo.

Hoje, o projeto RAP é premiado. Francisco é um dos 50 melhores professores do mundo e dedica toda sua trajetória aos socioeducandos. Neste momento de pandemia e aulas remotas, ele publicou vídeos, lançou livros, CDs, além do curta-metragem Sobrevivendo no Inferno, premiado na Rússia.

Com recursos do projeto, conseguiu colocar televisores no Núcleo de Ensino da Unidade de Internação de Santa Maria, onde envia vídeo-aulas para agentes sociais passarem para os estudantes, além dos materiais impressos.

“Lá [na cadeia], o cenário é mais ou menos esse. Um ambiente de muito sofrimento e de muito silenciamento dos corpos e das vozes. É um ambiente que tem muitos comportamentos autodestrutivos, mas que, mesmo nesse contexto de muito sofrimento, ainda existe muito potencial, muitas flores brotando”, aponta o educador.

“A verdadeira disciplina é o projeto comum, construído com eles, para eles e executado por eles, sempre estimulando o protagonismo e autonomia dos estudantes”, explica o professor.

You may also like...